Sobre o Autor

Tempo de leitura: 6 minutos

Existe uma parábola em que um discípulo de um monge Zen Budista pergunta ao seu Mestre:

“Mestre, qual o caminho da felicidade?”

E o Mestre responde:

“A felicidade é o caminho!”

Ou seja, é durante o caminho que exercitamos a felicidade e não quando chegamos a algum lugar.

Precisamos apreciar e aprender durante o caminho que fazemos rumo a algum objetivo.

Muitas vezes o objetivo é somente a desculpa para evoluirmos.

E temos que ter um objetivo na vida.

Seja ele construir uma família.

Se tornar um profissional reconhecido e valoroso.

Ser um soldado disciplinado e forte.

Ser um general inteligente que constrói a paz sem ordenar um único tiro.

Ensinar as crianças e jovens a serem pessoas mais elevadas e evoluídas.

Você precisa ter um objetivo nobre.

E, quando você mira no seu objetivo, você começa a pensar e a estudar formas para atingir este objetivo.

Começa a sua jornada, rumo ao seu crescimento, como pessoa e ser humano.

Quando escalamos uma montanha: é legal quando chegamos ao topo, mas o mais legal é chegar até o topo!

O caminho até o topo é que é a aventura! Da mesma forma, é a vida e nossos aprendizados que importam!

Meu nome é Ricardo Hashizume, nascido nos anos 70 do século passado (sou da Geração X!).

Sou de família pobre (meu falecido pai era funileiro e minha mãe telefonista), e por causa disso, trabalho desde muito jovem.

Meu primeiro emprego registrado foi como contínuo (garoto de recados) no extinto Banco Bandeirantes, mas eu já havia trabalhado como aprendiz de eletricista em um auto-elétrico e como tirador de linhas de calça jeans em uma fábrica perto de casa.

Também já fui para o Japão trabalhar, fiquei por lá uns dois anos e foi uma das minhas experiências mais enriquecedoras, culturalmente falando.

Sou formado em Administração pela Fundação Getúlio Vargas (dei muitas aulas de informática nesta época!) e fiz a minha faculdade assistindo ao surgimento da bolha “ponto com” e seu fim.

Para quem não sabe, bolha acontece quando, no mercado financeiro, alguma coisa começa a se valorizar de uma forma anormal, atípica e contra o bom senso.

E, a bolha “ponto com”, foi a bolha da internet, que explodiu em meados do ano 2000.

Na época, qualquer site lançado no mercado era avaliado com valores totalmente irreais, sem nenhuma perspectiva de receita, e consequentemente, sem nenhuma sustentabilidade.

Vi muitas empresas surgirem do nada e morrerem de inanição.

Mas, vi muitas que deram certo, inclusive de alguns colegas que se formaram comigo, e que existem até hoje.

E, como todo mundo naquele momento, eu também sonhava em lançar um site e ficar rico!

Neste processo, aprendi muito!

Aprendi a programar, a lidar com sistemas operacionais diferentes do Windows, a lidar com bancos de dados e toda uma parafernália de tecnologias!

E, logo depois descubro que eu não precisava aprender nada disso, mas enfim, foi bastante divertido!

Trabalhei por um bom tempo na área financeira, acreditando que o segredo estava neste campo, mas descobri que não!

De qualquer forma, saber lidar com o financeiro de uma empresa é muito importante para alguém que quer empreender, logo, não perdi meu tempo de jeito nenhum!

Mas, não é o essencial!

Aprendi xadrez, jogo que, desde a minha infância, me fascinou, mas o meu objetivo era aprender estratégia e tática para empreender e criar uma empresa de sucesso.

Isso sim foi essencial.

O que parecia importante, não era tanto, e o que parecia desprezível e pura perda de tempo, na verdade é fundamental.

Estratégia e Tática é fundamental para o Empreendedor. Eu falo mais sobre esse assunto neste artigo e vídeo:

https://www.empreendedorsmart.com.br/jca7

Demorei um bom tempo para reunir as ferramentas que eu achava necessárias e também um bom tempo para entender o novo mundo que surgia bem diante dos meus olhos, mas como a maioria de nós, não entendi de imediato.

Tentei diversos sites sobre diversos temas, desde sites de venda de automóveis, empregos, compra coletiva, etc, etc.

Fiz diversos Business Plans e cheguei a enviar um ou outro para alguma Venture Capital (uma espécie de banco de investimentos ou fundo que investe em empresas de alto risco e bem no início)

Nada disso funcionou. E hoje, eu afirmo: ainda bem. Porque eu ainda não sabia o suficiente, não havia entendido o mercado, não estava maduro.

E, continuei estudando e trabalhando.

Tornei-me concurseiro, passei em alguns concursos, empossei em alguns, mas nada me tirava da cabeça que a minha oportunidade era empreender na internet.

E continuei estudando uma forma de fazer um negócio baseado na grande teia (web significa teia).

Lancei um site sobre concursos e comecei a rondar um amigo para que ele fosse professor de matemática do meu site e, quando eu comecei a conversar com ele, tive uma grande surpresa: ele estava também estudando sobre internet e me deu algumas dicas, bastante empolgado, por sinal.

Ele me contou que tinha um pessoal na internet, ganhando muito dinheiro apenas vendendo produtos digitais, cursos nos mais diversos nichos, e estavam conseguindo atingir públicos enormes e ficando ricos com isso!

No começo, eu não acreditei muito no que ele disse, mas assim mesmo, comecei a pesquisar sobre o que ele me falou, precisava tirar a dúvida da cabeça para conseguir dar o próximo passo.

E continuamos conversando.

Chegamos a contratar alguns cursos sobre o assunto, mas não conseguíamos fazer nada que funcionasse!

Infelizmente, perdi o meu amigo e parceiro, pois ele passou para o outro plano.

Mas, continuei a minha pesquisa, agora solo.

E, finalmente, após mais alguns anos, consegui entender a lógica por trás de todo o negócio de sucesso na internet, e é esta visão que eu gostaria de transmitir para você neste livro.

Tentarei condensar anos de pesquisa sobre o assunto de forma que você entenda rapidamente e possa aplicar ao seu negócio, se você já tem um, ou criar um negócio próprio e, principalmente, rentável!

Espero que eu possa contribuir para o seu desenvolvimento como Empreendedor.

Porque é dessa forma que eu dou a minha contribuição para construir um mundo melhor, já que, quando cada um de nós melhora, tudo à nossa volta também melhora, e a soma de todas estas melhoras, melhora o mundo!

 

Ricardo Hashizume

Por Favor, Deixe o seu Comentário!